SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO DE DADOS

Publicado: 21/12/2009 em Uncategorized
SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO DE DADOS (Bit e Byte)

1. Computadores digitais e computadores analógicos

    1.1 Computadores Digitais

Sabe-se que os computadores atuais são máquinas que utilizam a representação digital dos dados. Sendo assim, é possível se prever que as variações para um computador moderno serão referenciadas por determinadas variações da energia em seus circuitos ou posições de memória. Porém, ao se falar em computadores digitais, cabe lembrar que para esses foi definidia a linguagem de representação de dados com apenas dois tipos de variações, baixa energia ou ausência de energia e alta energia ou presença da energia.

    1.2 Computadores Analógicos

Nos computadores analógicos, em contrapartida, qualquer variação de qualquer estado da natureza poderá ser medida, ou seja, os computadores analógicos utilizam uma escala continuamente variável. O exemplo mais mencionado é o termômetro de mercúrio, que consegue representar analogicamente cada variação da temperatura. Também podemos citar o relógio de sol, as balanças ou mesmo o bafômetro, além de muitos outros equipamentos que medem, por analogia, variações de grandezas físicas.

2. Sistemas de numeração

    2.1 Base

Todo sistema de numeração tem uma base (ou raiz). A base, que é justamente a quantidade possível de variação dentro do sistema, define o sistema de numeração.

    2.2 Sistema Decimal

Os seres humanos utilizam o sistema decimal (números de 0 a 9) como forma de representação de grandezas. O sistema decimal é assim conhecido por ter a base 10. Conhecendo a base fica fácil calcular qual o número máximo de variações que esse sistema suporta a cada aumento de uma coluna ou casa. Veja: uma coluna possibilita 10 variações, duas colunas representam 100 variações (10²), três colunas representam 1000 variações (10³) e assim sucessivamente.

    2.3 Sistema Binário

Sabe-se que o computador só pode entender duas variações, ou dois tipos de sinais (presença ou ausência de energia). Sendo assim, seu sistema de numeração pode ser chamado de binário porque terá como base o algarismo dois (dois = bi). Conhecendo a base pode-se, facilmente, calcular o número máximo de variações a cada aumento de coluna. Porém, em vez de representar as colunas como ligado ou desligado convencionou-se atribuir o algarismo 1 (um) para ligado ou alta energia e 0 (zero) para desligado ou baixa energia. Então, uma única coluna só poderá representar duas variações (2¹), duas colunas poderão representar quatro variações (2²), três colunas poderão representar oito variações (2³) e assim sucessivamente.

    2.4 Sistema Hexadecimal

Outra forma de representar informações muito utilizada pela informática é o sistema hexadecimal (base 16) que utiliza os caracteres de 0 a 9 e as letras A a F para representação de valores. São 16 variações possíveis para cada coluna.
Texto retirado do livro – Informática Descomplicada – Profº André Alencar
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s